This website uses cookies to ensure you get the best experience on our website. Learn more

Playlist of Cláudio Camunguelo

x
  • MEU GURUFIM - CLÁUDIO CAMUNGUELO - Sim, é Samba!

    3:09

    Samba do Trabalhador acontece no Renascença Clube. Cláudio Camunguelo agitou a roda de samba com a música Meu Gurufim. Dá o play!
    Se gostou, deixe seu comentário e um like no vídeo.

    Ah! E INSCREVA-SE EM NOSSO CANAL =


    MEU GURUFIM - CLÁUDIO CAMUNGUELO - Sim, é Samba!

    Eu vou fingir que morri
    Pra ver quem vai chorar por mim
    E quem vai ficar gargalhando no meu gurufim
    Quem vai beber minha cachaça
    E tomar do meu café
    E quem vai ficar paquerando a minha mulher

    Quando o caixão chegar
    Eu me levanto da mesa
    E vou logo apagar
    As quarto velas acesas

    E vou dizer pra minha mãe
    Não chora
    Amigo a gente vê é nessa hora

    Composição: Jorge Carioquinha

    (Gurufim - substantivo masculino. Na comunidade negra, brincadeira feita em velório a fim de desagravar a sua atmosfera. Velório popular em que há música, dança, canto, em homenagem ao morto.)

    =====

    QUEREMOS SABER!
    Participe da pesquisa e ajude a construir um canal ainda melhor!
    É rapidinho e vai ajudar muuuito o canal, clique no link e participe.


    =====

    #Sambadotrabalhador #SiméSamba #Renascença #Meugurufim #ClaudioCamunguelo #Rodadesamba #Pagode

    FACEBOOK/ @simesamba
    INSTAGRAM/ @simesamba

  • x
  • Claudio Camunguelo... Salve, salve!

    3:16

    claudio camunguelo
    Estivador por profissão, Claudio Camunguelo é flautista e grande partideiro, compositor de mão cheia, além de excelente cantor e dançarino. É daqueles tipos que usam boina branca e cordão prateado no pescoço, mas sem estilizações e com muita dignidade. Figura fácil no circuito do samba e do choro da cidade, chama sempre a atenção de quem o assiste pela primeira vez. Legítimo representante dos grandes compositores da zona portuária do Rio de Janeiro, por onde passaram mestres como João da Bahiana, Mano Elói, Fuleiro, Sebastião Molequinho e Aniceto do Império, Padeirinho e Xangô da Mangueira, entre tantos outros, o portelense Camunguelo é um compositor e intérprete dos mais originais. É também um dos grandes da Freguesia do Irajá, terra de bambas como Nei Lopes, Wilson Moreira e Zeca Pagodinho. Autodidata, já fazia flautas de bambu e plástico aos 16 anos, mesma época em que começou a compor. Mesmo sem saber ler partitura, começou na música gravando jingles na Rádio Nacional e segue fazendo arranjos e melodias de ouvido até hoje. Já era veterano no samba quando conheceu o parceiro Zeca Pagodinho, então com 16 anos. Fizemos juntos 'Sinuca de Bico' e depois 'Amarguras', que participou do Festival de Sambas de Terreiro da Portela, em 81. Foi esse samba que abriu portas para os parceiros, e chegou a ser disputado por Elza Soares e pelo Grupo Fundo de Quintal. Depois do festival, Camunguelo levou Zeca ao Cacique de Ramos, que freqüenta desde 1966, muitos anos antes da quadra do bloco carnavalesco se consagrar como reduto de sambistas.

    Sou Claudio Lopes dos Santos, o popular Claudio Camunguelo, apresenta-se ele, sem conseguir explicar direito o motivo do apelido dado pelo companheiro de samba Arlindo Cruz. O Nei Lopes, como pesquisador de cultura negra, foi procurar nos idiomas africanos algo parecido com camunguelo. Num dicionário da Nigéria ele encontrou a palavra 'camundele', que quer dizer 'branquinho'! Veterano das rodas de choro e samba do subúrbio (onde versou por diversas vezes com Aniceto Menezes), Camunguelo vem se apresentado em teatros e casas de espetáculo com Nei Lopes e com a dupla Zé da Velha e Silvério Pontes. Apesar de conhecido e admirado por músicos e freqüentadores das mais importantes rodas da cidade, Camunguelo só agora está próximo de gravar seu primeiro CD, iniciativa dos produtores Alexandre Pimentel e Maria Braga. Lutando ainda por um patrocínio, o aguardado disco já tem garantidas as participações de Nei Lopes, Zé da Velha e Silvério Pontes (diretor musical do disco) e deve contar também com as vozes de Luiz Carlos da Vila e Zeca Pagodinho. Por enquanto, só é possível ouvir gravações de Camunguelo no raríssimo compacto que ele gravou em 84 (com produção de Renato Alfaia, contendo Amarguras - parceria com Zeca Pagodinho - de um lado e Gurufim, de Jorge Carioquinha do outro); no disco Só Gafieira (KUARUP), de Zé da Velha e Silvério Pontes, interpretando seu choro Camunguelando e no CD de Luiz Carlos da Vila em homenagem a Candeia (CPC-UMES), onde participa de duas faixas cantando e tocando sua inconfundível flauta.

    Esse video é parte de um acervo pessoal

  • x
  • Meu Gurufim

    2:44

    Provided to YouTube by iMusica

    Meu Gurufim · Cláudio Camunguelo

    Explosão do Pagode

    ℗ 2017 CID

    Released on: 2017-04-21

    Composer: J. Carioca

    Auto-generated by YouTube.

  • Claudio Camunguelo - Meu Gurufim.

    3:12

    Renascença Clube - Meu Gurufim: Jorge Carioquinha

  • x
  • Joanita

    3:55

    Provided to YouTube by iMusica

    Joanita · Cláudio Camunguelo

    Explosão do Pagode

    ℗ 2017 CID

    Released on: 2017-04-21

    Composer: Cláudio Camunguelo

    Auto-generated by YouTube.

  • Aniversário do Camunguelo - GRANES Quilombo

    2:08

    Roda de samba no aniversário do camunga. Música da casa: Testamento de partideiro do gigante CANDEIA.

  • x
  • Zé Galinha - Claudio Camunguelo

    3:32

    Músicas que tocamos na praça e que tem boas gravações para serem ouvidas e ouvidas.
    Créditos no final do vídeo

    Conheça nossa página no facebook:

    #BrazilianChoro, #ArrumaoCoreto, #BrazilianChorinho, #ChorinhodaSãoSalvador, #ZeGalinha, #ChorodaSãoSalvador, #ClaudioCamunguelo

  • Cláudio Camunguelo - Meu gurufim

    2:48

  • Camunguelo

    2:45

  • x
  • CHORO TRIO CAMUNGUELANDO CLÁUDIO CAMUNGUELO

    3:11

    Choro Trio, Paulo Pascali Junior - flauta, Cidão - violão de 7 cordas e Arthur Bernardo, pandeiro.
    CAMUNGUELANDO CLÁUDIO CAMUNGUELO
    CHORO TRIO NO FLORES NA VARANDA EM 21/07/2012- SÃO PAULO, SP - BRASIL.
    ppascalijr@terra.com.br

    Tel 55-11-99751-8292

  • Zé Galinha - Claudio Camunguelo

    3:42

    * No copyright infringement intended *
    Música: Zé Galinha
    Composição de Claudio Camunguelo (1947 – 2007)
    Flauta: Claudio Camunguelo
    Trombone: Zé da Velha
    Trompete: Silvério Pontes
    Violão: Charles
    Cavaquinho: Alessandro Cardoso
    Pandeiro: Netinho

    Gravado no Festival do Choro do MIS (Chorando no Rio), 2001

    * No copyright infringement intended *

  • Entrevista Claudio Camunguelo - Parte 2

    6:47

    Entrevista Claudio Camunguelo contando um pouco também da sua devoção a São Jorge o Santo Guerreiro.

  • Trio Volátil - Zé Galinha

    3:47

    Eric Amanthea - 7 Cordas
    Gonçalo Pires - 7 Cordas
    Sérgio Alvares - flauta

  • CAMUNGUELO E GUILHERME DE BRITO CONTA HISTORIAS DE NELSON CAVAQUINHO

    3:06

    Pagina no facebook

  • 1- GURUFIM - Claudio Camunguelo

    2:46

  • Meu Gurufin Cláudio Camunguelo

    2:22

    Vídeo de flora4folhas

  • Zé Ghalinha

    3:42

    Provided to YouTube by The Orchard Enterprises

    Zé Ghalinha · Claudio Camunguelo

    Chorando No Rio - Festival do Choro do Mis

    ℗ 2014 CPC - Umes [dist. Tratore]

    Released on: 2014-04-19

    Auto-generated by YouTube.

  • 1- GURUFIM - Claudio Camunguelo

    2:46

  • Camunguelando de Claudio Camunguelo e Júlio Costa

    2:46

    Músicas que tocamos na praça e que tem boas gravações para serem ouvidas e ouvidas.
    Neste vídeo, escolhemos a música Camunguelando do álbum Bambas da Flaudia, da Kuarup de 2003.


    Conheça nossa página no facebook:

    #BrazilianChoro, #ArrumaoCoreto, #Chorinho, #SãoSalvador, #Camunguelando #SãoSalva #ClaudioCamunguelo #JulioCosta #Camunguelo

  • Meu Gurufim - Cláudio Camunguelo, por Carla Ponsi

    55

    Música de Cláudio Camunguelo interpretada por Carla Ponsi.

  • x
  • 1- GURUFIM - Claudio Camunguelo.

    2:46

  • Claudio Camunguelo Joanita

    3:58

  • Camunguelando

    2:27

    CORINHO,AUTORIA DE CLÁUDIO CAMUNGUELO, SE PASSA NO BAR DO SEU ZÉ EM MARECHAL HERMES NO DIA 21/12/08 COM OS MUSICOS J.MAGNO 7 CORDAS, RAFAEL VIANA CAVACO, TUNICO MAMEDE SAX ALTO,LUCIANO PANDEIRO ,JOÃO PAULO SURDO, MARCELIO TANTAN

  • CULTNE DOC - Nei Lopes - Sapopemba e Maxambomba

    5:06

    Com imagens e edição de Filó Filho, Cultne registrou o show de Nei Lopes no Encontro de Bambas no último domingo, 01 de setembro de 2012, no Renascença Clube.

    O autor de 30 livros e 700 músicas se formou advogado em 1966, exercendo a profissão até 1972, quando passou a viver de música. Não fez mestrado e doutorado, tendo construído uma carreira de pesquisador à margem de títulos e elogios acadêmicos. Só recentemente começou a ser respeitado por núcleos de intelectuais que trabalham em áreas próximas às dele.

    Autor e intérprete de música popular, nasceu no subúrbio de Irajá, Rio de Janeiro, RJ, em 9 de maio de 1942. Bacharel pela Faculdade Nacional de Direito da antiga Universidade do Brasil, no início dos anos 70 abandonou a recém-iniciada carreira de advogado para dedicar-se à música e à literatura. Compositor profissional desde 1972, notabilizou-se principalmente pela parceria com Wilson Moreira e pela obra gravada por quase todos os grandes intérpretes do samba tradicional. Nos anos 80 foi um dos impulsionadores, como prático e teórico, do chamado pagode de fundo de quintal, que levou de novo o samba, com nova roupagem, às paradas de sucesso. Intérprete de suas próprias obras, tem gravados, em dupla com Wilson Moreira, os lps A Arte Negra de Wilson Moreira & Nei Lopes e O Partido Muito Alto de WM & NL (EMI, 1980 e 1985, reunidos em CD em 1995); e, individualmente, os álbuns Negro Mesmo (Lira-Continental, 1983), Canto Banto (Saci, 1996) Sincopando o Breque (CPC-UMES, 1999) e De Letra & Música (Velas, 2000) . Na década de 1990, abrindo ainda mais o leque de suas parcerias, onde já sobressaíam os nomes de Cláudio Jorge e Zé Luiz, e procurando romper a barreira do preconceito que imobiliza a produção de sambistas oriundos das escolas, Nei iniciava prolífico trabalho ao lado de Zé Renato e Guinga, entre outros nomes mais identificados com o segmento rotulado como MPB. Além disso, desde os anos 80, é um dos dirigentes da AMAR-SOMBRÁS, sociedade de gestão autoral brasileira da qual fazem parte, entre outros grandes nomes, os compositores Chico Buarque, Aldir Blanc, Paulinho da Viola, Hermínio Bello de Carvalho e Paulo Cesar Pinheiro. E paralelamente à atividade de compositor, Nei Lopes, sócio correspondente do CICIBA, Centro Internacional das Civilizações Bantu, com sede na República do Gabão, é escritor de vasta obra toda centrada na temática afro-brasileira e compreendendo ensaios como O Samba, na Realidade (1981), Bantos, Malês e Identidade Negra (1988), O Negro no Rio de Janeiro e Sua Tradição Musical (1992), Zé Kéti, O Samba Sem Senhor (2000), Logunedé; santo menino que velho respeita(2000), além de um Dicionário Banto do Brasil (1996) e um volume de poemas Incursões sobre a Pele , também de 1996, entre outras publicações. Desde 1995, Nei trabalha na elaboração da Enciclopédia Brasileira da Diáspora Africana, sua obra mais ambiciosa, a qual contempla centenas de verbetes sobre o universo do samba e do choro.
    Em 2001, Nei Lopes participou do projeto que resultou no Cd Ouro Negro, em tributo ao legendário Maestro Moacir Santos.Essa participação, além do texto de apresentação do disco,traduziu-se em cinco elogiadas letras, escritas para melodias do Maestro, e que resultaram em canções gravadas respectivamente por Milton Nascimento,Gilberto Gil,Djavan, Ed Motta e João Bosco.

  • Samba do Trabalhador 1 , Renascença Clube, Andarai, RJ

    22:13

    musicas. 15 - Pintura sem Arte (Candeia) canta Renato Milagres. 16- Somos Nós (W.Monteiro/Mario Lago F./Paulinho do Cavaco) canta Wanderlei Monteiro. 17- Osonho Não Acabou - (Luiz Carlos da Vila) canta Luiz Carlos da Vila. EXTRAS. 18- Seja Sambista também (Arlindo Cruz/Sombrinha) canta Bruno Sales. 19- Para São Jorge(pecê ribeiro) canta Brecio. 20- Lua Lua (Ernesto PIres) Ernesto PIres. 21-Gurufim (jorge Carioquinha) Canta Claudo Camunguelo. 22

  • Roda de 11 Ago 2019

    6:04

    Fotos e imagens da nossa roda do dia dos Pais, dia 11 de agosto de 2019.
    Música: Camunguelando - Cláudio Camunguelo

  • Viola de massaranduba-Geraldo Babão

    2:31

    Viola de massaranduba (Geraldo Babão)


    Quem quiser quebrar minha viola
    Pode crer que vai-se dar mal
    Minha viola é madeira de lei
    Não é qualquer qualidade de pau.


    Eu mandei fazer esta viola
    Não é fina embraúna, nem jacarandá

    É massaranduba, moço
    Massaranduba, Iaiá
    Madeira dura
    Que não quebra e não dá pra rachar


    Quanto mais apanha sereno
    O som da viola melhora
    E quem entra no partido
    Esquece de ir embora

    É massaranduba, moço...

    Quando eu pego a viola
    Alegro a rapaziada
    Que gosta de cada partido
    Até o romper da madrugada

    É massaranduba, moço...

    Traduction en français:

  • Denny de Lima - Mulata beleza

    3:01

    Grupo: Denny de Lima
    Música: Mulata beleza
    Compositor: Zé Roberto
    Disco: Denny de Lima
    Ano: 1987
    Gravadora: RGE

    Eu tamém fico o dia todo na janela
    Esperando aquela mulata
    Mais bela do bairro passar
    Ela é por demais diferente
    Nunca vi mulher tão atraente
    Faz qualquer homem a cuca virar

    Essa fêmea tem um rebolado
    Que é uma sensação
    Seus cabelos são longos
    Corpo igual vuolão

    Eu sigo seus passos
    Não sei o que faço
    Pra cai nos seus braços
    Vou morrer de paixão

  • Quando Estou Fazendo Amor

    3:25

    Provided to YouTube by ONErpm

    Quando Estou Fazendo Amor (Remasterizado) · Marquinho Sathan · Claudio Camunguelo · Jorginho JB

    O Melhor de Marquinho Sathan

    ℗ Marquinho Sathan

    Released on: 1999-02-02

    Auto-generated by YouTube.

  • Claudio Barulho - Sonhos de um palhaço_0001.wmv

    2:40

  • Explosão do Pagode

    6:11

    Disco Gravado em 1986 ( Adalto Magalha, Cláudio Camunguelo, Zeca Pagodinho, Baita e Sapato.) Raridade!

  • Arlindo Cruz e Mestre Camunguelo - meu gurufim

    1:07

    Essa musica e do nosso saudoso Camunguelo .. salve o samba

  • Amarguras Fundo de Quintal

    3:02

    Música: Amarguras
    Compositores: Claudio Camunguelo / Zeca Pagodinho
    Gravado por: Grupo Fundo de Quintal

  • O TROCO E CAMUNGUELANDO

    4:11

    PARTIDO DE J. MAGNO E OUTRO DE CAMUNGUELO NO EVENTO MARECHAL RIO SAMBA CHORO NO DIA 04/01/09 NO BAR DO SEU ZE COM OS MUSICOS DO EVENTO

  • Amor de Cristal, Camunguelando e Zé Galinha + Fotos de 3/Fev/2019

    7:09

    Imagens e fotos da nossa roda de Domingo. Agradecemos a presença dos amigos que sempre nos prestigiam.

  • REVEILLON MAUA 008 -2013

    1:43

    MEU GURUFIM - LEMBRANDO CLÁUDIO CAMUNGUELO

  • Cauã Camunguelo Alves

    2:03

    Participação Especial no Grupo Nega Fulô

  • Quando Estou Fazendo Amor

    3:21

    Provided to YouTube by ONErpm

    Quando Estou Fazendo Amor · Marquinho Sathan · Claudio Camunguelo · Jorginho JB

    Falsa Consideração

    ℗ Marquinho Sathan

    Released on: 1987-02-05

    Auto-generated by YouTube.

  • Arlindo Cruz - Mulata Beleza / Meu Gurufim

    4:27

    PLAYLIST, ARLINDO CRUZ

    Eu também fico o dia todo na janela
    esperando aquela mulata mais bela do bairro passar
    ela é por demais diferente nunca vi mulher tão atraente
    faz qualquer homem a cuca virar

    Essa fêmea tem um rebolado que é uma sensação
    seus cabelos são longos corpo igual violão
    eu sigo seus passos não sei oque faço
    pra cair em seus braços vou morrer de paixão
    eu sigo seus passos não sei oque faço
    pra cair em seus braços vou morrer de paixão

    --------------
    meu gurufim

    Eu vou fingir que morri pra ver quem vai chorar por mim
    e quem vai ficar gargalhando no meu gurufim
    quem vai beber minha cachaça e tomar do meu café
    e quem vai ficar paquerando a minha mulher
    quando o caixão chegar eu me levanto da mesa
    eu vou logo apagar as 4 velas acesas
    eu vou dizer pra minha mãe não chora
    que amigo a gente vê é nessa hora
    eu vou dizer pra minha mãe, pra minha mãe
    mamãe não chora
    que amigo a gente vê é nessa hora

    Que amigo a gente vê, amigo a gente vê
    amigo a gente vê é nessa hora
    amigo a gente vê, amigo a gente vê
    amigo a gente vê é nessa hora......

  • Luiz Carlos da Vila - O Sonho Não Acabou

    2:56

    Renascença Clube - Samba do Trabalhador - O Sonho Não Acabou: Luiz Carlos da Vila

  • Roda de Samba no Renascença Clube

    7:57

    Márcio Vanderlei e Ovídio Brito convidam. Participação de Arlindo Cruz. Última roda de samba que pudemos ouvir a cuíca do mestre Ovídio Brito, tendo em vista que nesta mesma madrugada ele sofreu um acidente fatal. Deixando um lacuna no samba brasileiro.

  • Discos do Zeca Pagodinho - Da primeira gravação como intérprete até 2002

    6:56

    Conhecedor da obra do Zeca Pagodinho, o cantor e compositor Leo Russo fala resumidamente, rapidamente e em ordem cronológica da primeira gravação em que o Zeca aparece cantando, em 1983, no disco 'Suor no Rosto' da madrinha Beth Carvalho, até o disco que estourou 'Deixa vida me levar', de 2002, ano que Russo conheceu Zeca Pagodinho.

    Ps. O vídeo foi feito sem edição e sem cortes.

    OBS 1. A primeira gravação do Zeca como autor foi no disco do Fundo de Quintal de 1981, com a música 'Amarguras' (parceria dele com Cláudio Camunguelo), mas no vídeo refere-se as gravações do Zeca Pagodinho como intérprete. E a primeira gravação cantando foi no dueto com a Beth Carvalho, no disco dela 'Suor no Rosto', de 1983.

    OBS 2. A música 'Bamba de Berço', do disco Raça Brasileira foi gravada por Mauro Diniz e Zeca no disco, porém é de autoria de Mauro Diniz e Sereno. E a música 'Garrafeiro' é do Zeca Pagodinho com Mauro Diniz.

    OBS 3. O disco 'Samba pras moças' foi o último disco que saiu em vinil do Zeca. A produção foi da Polygram (antiga Universal) e Max Pierre, com a direção musical do Rildo Hora.

  • Um Chorinho Diferente - El Gaúcho e Ivone Rabelo

    2:28

    Músicas que tocamos na praça e que tem boas gravações para serem ouvidas e ouvidas.
    Créditos no final do vídeo

    Conheça nossa página no facebook:

    #BrazilianChoro, #ArrumaoCoreto, #BrazilianChorinho, #ChorinhodaSãoSalvador, #ElGaucho, #ChorodaSãoSalvador, #UmChorinhoDiferente, #IvoneRabelo

  • Pout - Pourri partido alto Meu Gurufim e Mulata Beleza

    4:14

    Todas as Quartas no Churrasquinho do Duca a parti das 21hs.

  • Pout Pourri: a-) Mulata Beleza / b-) Meu Gurufim

    4:27

    Provided to YouTube by WM Brazil

    Pout Pourri: a-) Mulata Beleza / b-) Meu Gurufim (Ao vivo) · Arlindo Cruz · Camunguelo · Dudu Nobre

    Pagode do Arlindo

    ℗ 2003 Warner Music Brasil Ltda.

    Vocals: Arlindo Cruz
    Producer: Prateado
    Composer: Bafo de Onça
    Composer: Dominguinho
    Composer: Lino Roberto
    Composer: Zé Roberto

    Auto-generated by YouTube.

  • Roda de Choro do Bandolim de Ouro: Sergio Alvares -Buliçoso

    2:34

    Roda de Choro do Bandolim de Ouro 25/04/2015

  • Oswaldo Cruz - Mané Barbeiro & China - O Arrepiado

    2:11

    Música: O Arrepiado
    Composição: Oswaldo Cruz
    Gênero: Chorinho

  • NA PRESENÇA DE DEUS - César Belieny & Cris Medeiros

    4:29

    Canção Na Presença de Deus gravada no Mister Rec Vintage Studios em Piratininga/SP no intervalo da participação da Vineyard Rio nas gravações do Novo Single da Vineyard Music...

    Captação de imagens e edição feita por Chico Molina, captação de áudio por Amauri Muniz... Nos enquadramos no projeto do estúdio que responde pela hashtag #musicanuaecrua onde consiste em capturar a canção na essência de como foi composta...

    Autores: César Belieny / Serginho Meriti

    Intérpretes: César Belieny & Cris Medeiros

    Edição e Imagens: Chico Molina

    Áudio: Amauri Muniz

  • Choro Pro Zé - Guinga e Aldir Blanc - Por Lienne e Eric Amanthea

    3:52

    Choro Pro Zé, de Guinga e Aldir Blanc
    Por Lienne e Eric Amanthea

  • Guardiões do Samba - Velhas Companheiras

    3:10

    Faixa 1 do álbum Guardiões do Samba.

Shares

x

Check Also

Menu